quarta-feira, 22 de outubro de 2008

Culinária Folk


Meu amor, mais conhecido aqui por 'marido lindo', vive dizendo que quando vai para a cozinha gosta mesmo é de preparar receitas folk... E que pretende e, aos poucos vai conseguindo, se especializar, por lazer, em culinária folk...

Folk??? Talvez você tenha feito a mesma cara de interrogação que eu quando escutei isto pelas primeiras vezes... Confesso que sou meio lerdinha e não foi muito rápido que entendi o que ele queria dizer com isto!

Agora eu já entendi e também tenho me esbaldado com comidinha folk preparada pelo marido!

Para ficar mais claro o conceito recorri ao Google e encontrei aqui uma explicação sobre o que é folclore que ajudou bastante:

Folclore é uma palavra que, por incrível que pareça, não tem origem no nosso próprio folclore. É um anglicismo, ou seja, o aportuguesamento de uma palavra da língua inglesa. "Folk" significa "Povo" e Lore dentre outras coisas significa "Conhecimento". Assim, Folclore, como todos sabemos, significa "Conhecimento popular".

Exemplos de Folclore são Trava-línguas, Simpatias, Parlendas, Festas, Brincadeiras (infantis ou não), Lendas, Culinária, etc.

Nas minhas palavras, culinária folk é aquela que tem como base a culinária típica, de raiz, tradicional, que pode ser modificada e incrementada sem perder suas referencias de origem...

E mineiro de verdade não dispensa feijão tropeiro com couve, certo? Foi assim que recebemos meu sogro num domingo para almoçar!

A dupla tropeiro e couve já é especialidade do marido! Outra especialidade, que já postei aqui, é a maminha ao creme de cebola, que desta vez ficou especialmente saborosa e suculenta! Para finalizar bastaram alguns tomates cereja diretos do sítio!

Acompanhamos com um vinho Cabernet Sauvignon chileno, o Cousiño Macul - Antiguas Reservas, que já conhecemos e apreciamos muito.

A sobremesa, como já é de costume, ficou por minha conta e foi, na verdade, um grande improviso, mas 'quebrou o galho'! Lembrei que tinha na fruteira um melão que a esta altura já devia estar maduro... Dei muita sorte, pois, ao partí-lo, descobri que além de maduro ele estava docinho, saboroso e suculento!

Salada de Frutas Diferente

Fiz bolinhas de melão com um boleador. Coloquei em taças de sobremesa. Acrescentei amoras e sementes de romã. Para finalizar: framboesa para um, cerejas em calda para os outros. Simples... Mas saboroso e refrescante!


E aí, o que rola de culinária folk na cozinha de vocês?

7 comentários:

ameixa seca disse...

Culinária folk é um óptimo conceito. Aqui não pode faltar um bacalhau, um fígado de cebolada, sardinhas, um arroz de feijão ou de marisco!!! Uma maravilha :)

Mari Azevedo disse...

Flavinha, que delícia!!! Tuas comidinhas (e as do marido tbm) estão maravilhosas!! Aqui também amamos culinária folk!! Vez que outra encarno minha avó paterna e faço um belo virado de feijão, ou um cassoulet... =D
Bom demais da conta!!
Bjão lindona.

laila disse...

eu tbm entendo comida folk como a de raiz, lembranças...tal como a confort...aqui oq manda é a polenta com mto queijo e manteiga, as empanadas, o manjar de coco, bolo de fubá cozido...xi um montao de coisas deliciosas!!bjs

Filipa disse...

Flavinha, o seu marido é realmente muito prendado para a cozinha. Os pratos que ele prepara são todos de dar água na boca. Você tem muita sorte :)

Gostei também do conceito de culinária folk :)
Por aqui volta e meia os pratos também se inserem nesse conceito.

beijinhos

Eliana Scaramal disse...

Adorei esse conceito, descobri que minha cozinha caí como um luva nesse conceito. Que maravilha essa comidinha aí! Amo feijão tropeiro com couve então é um casamento perfeito!!

www.saboresdalica.blogspot.com

Viviane Peçanha disse...

Oi Flavinha!! Para a dutch baby o ideal é fruta fresca mesmo, acho que fica mais saborosa e menos doce, mas nada impede de ousar e abusar de idéias!!!!
Fiz com pêssegos frescos que aqui também estão chegando com preços ótimos!!! Além do mais são super cheirosos e gostosos!!! esses que usei estavam um mel!!!
Bjs.

Naninha disse...

Fiquei mesmo me perguntando o que era folk rsrsrs
Legal essa do seu marido ir pra cozinha e olha que casamento perfeito esse almoço!
Beijos